Taxa de inflação em Portugal aumenta para 2,3% no mês de janeiro

Taxa de inflação em Portugal aumenta para 2,3% no mês de janeiro

Conheça os números divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística relativos a janeiro, e como aliviar o orçamento mensal face a este contexto. 

23 Feb 20243 min

Gostou do que leu? Partilhe!

Perante um contexto inflacionista, como equilibrar o orçamento? Fale com os intermediários de crédito e mediadores de seguros da Poupança no Minuto e saiba se é possível pagar menos, e como, por estes produtos. Mas leia os números do INE, neste artigo. 

INE confirma inflação de 2,3% em Portugal no mês de janeiro 

O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou os dados mais recentes face à inflação, que demonstra uma variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) de 2,3% em janeiro. O que representa um aumento de 0,9 pontos percentuais (p.p.) face à taxa observada no mês precedente. 

“Esta aceleração é em parte explicada pelo aumento de preços da eletricidade e pelo fim da isenção de IVA num conjunto de bens alimentares essenciais. Com base num exercício de natureza mecânica, estima-se que o impacto do fim da referida medida sobre a variação do IPC total tenha sido 0,7 p.p.”, pode ler-se em notícia do Notícias ao Minuto, citando comunicado do INE. O valor agora registado vai ao encontro da estimativa rápida publicada pelo INE no final de janeiro. 

O indicador de inflação subjacente (índice total excluindo produtos alimentares não transformados e energéticos) teve uma variação de 2,4%, descendo 0,2 p.p. comparando com dezembro. 

Além disso, a variação do índice relativo aos produtos energéticos subiu para 0,2%, -10,5% no mês anterior, e o índice dos produtos alimentares não transformados para 3,1%, 2,0% em dezembro. 

No geral, a variação mensal do IPC foi nula, -0,4% no mês precedente e -0,8% em janeiro de 2023, e a média dos últimos doze meses caiu para 3,8%, tendo sido 4,3% em dezembro. 

Relativamente ao Índice Harmonizado de Preços no Consumidor (IHPC) português, este “apresentou uma variação homóloga de 2,5%, valor superior em 0,6 p.p. ao registado no mês anterior e inferior em 0,3 p.p. ao valor estimado pelo Eurostat para a área do Euro (em dezembro, esta diferença tinha sido 1,0 p.p.). Excluindo produtos alimentares não transformados e energéticos, o IHPC em Portugal atingiu uma variação homóloga de 2,7% em janeiro (3,1% em dezembro), inferior à taxa correspondente para a área do Euro (estimada em 3,6%). O IHPC registou uma variação mensal de -0,2% (-0,7% no mês anterior e -0,8% em janeiro de 2023) e uma variação média dos últimos doze meses de 4,8% (5,3% no mês precedente)”, pode ler-se na notícia. 

Face a este contexto de inflação, olhe para os seus créditos e seguros, para perceber onde pode poupar com estas prestações. Tente renegociar com as entidades as condições dos seus produtos, pondere também a consolidação de vários créditos para uma só prestação mais barata, e ainda a transferência dos produtos para novas instituições. Os intermediários de crédito e mediadores de seguros da Poupança no Minuto disponibilizam um serviço gratuito que o pode ajudar ao longo de todos estes processos! Contacte-nos e conheça melhor as opções a que pode aceder. 

Newsletter

Assine a nossa newsletter e não perca nenhum conteúdo.



Crédito habitação