Em 2021, pouco mais de 1/3 dos proprietários tinham encargos com a compra da casa

Em 2021, pouco mais de 1/3 dos proprietários tinham encargos com a compra da casa

Em 2021, a realidade da habitação era diferente: segundo estudo, pouco mais de 1/3 de proprietários tinham custos mensais com a compra da casa. Perceba os dados e como baixar a sua prestação de habitação atual. 

17 May 20242 min

Gostou do que leu? Partilhe!

Apenas 38,4% de proprietários tinham encargos mensais com aquisição de imóvel em 2021 

De acordo com dados do estudo “O Parque Habitacional: Análise e Evolução 2011-2021", realizado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) em colaboração com o Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNCE), divulgados pelo Notícias ao Minuto, pouco mais de 1/3 dos proprietários tinham encargos com a compra de casa em 2021. 

No mesmo ano, os alojamentos familiares clássicos de residência habitual estavam 70% ocupados pelo próprio proprietário, além de apenas 38,4% terem encargos mensais com a sua aquisição

Este estudo teve por base os resultados dos Censos 2021, pelo que, de 2.900.093 alojamentos de residência habitual ocupados pelos proprietários, eram 1.112.875 os que tinham encargos com a sua aquisição. 

Além disso, e tendo em conta os escalões de encargos por compras, em 52,8% dos alojamentos, o custo das mensalidades se encontrava entre 200 e 399 euros

Já relativamente aos alojamentos familiares clássicos de residência habitual arrendados, 61,4% dos alojamentos tinham valores mensais de renda entre 200 e 649 euros, com um valor médio mensal de renda em 334 euros

Esta não é, porém, a realidade atual das rendas nem dos encargos mensais dos proprietários de imóveis. Apesar de a inflação começar a descer, bem como a perspetiva de as taxas Euribor também aliviarem, os valores atuais na habitação têm causado dificuldades financeiras aos portugueses. 

Se este é o seu caso atualmente, saiba que pode ser possível baixar o valor que paga por crédito habitação, renegociando as suas condições atuais ou transferindo o seu contrato para um novo banco. Além disso, existem soluções que o ajudam no caso de ter, por exemplo, vários créditos: Podendo consolidar os vários num só e ficando a pagar uma prestação menor. 

Os intermediários de crédito do Poupança no Minuto podem avaliar o seu caso e, se possível, ajudá-lo com o avançar de um destes processos, de forma gratuita! Entre em contacto connosco e comece já a poupar: 

Newsletter

Assine a nossa newsletter e não perca nenhum conteúdo.



Crédito habitação