Vistoria imobiliária: Como funciona e quando fazer?

Vistoria imobiliária: Como funciona e quando fazer?

Vai comprar ou arrendar uma casa, mas quer verificar o estado de conservação do imóvel primeiro? Sim, pode fazê-lo! Através de uma vistoria imobiliária. Mas como funciona este serviço e quando pode contratar? 

22 Aug 20233 min

Gostou do que leu? Partilhe!

Se está ainda à procura de um imóvel para comprar, pode contactar a agência imobiliária Casa no Minuto, ou a intermediária de crédito Poupança no Minuto para o financiamento da casa. Caso já tenha o seu imóvel, e precisa apenas de contratar um serviço de vistoria imobiliária, saiba como funciona este processo no artigo. 

Como funciona um serviço de vistoria imobiliária? 

Uma vistoria imobiliária consiste numa verificação técnica do estado de conservação, tanto de imóveis como de edifícios, sejam novos ou usados. 

Com esta vistoria, é possível identificar anomalias, deficiências, as condições de segurança, funcionamento e conservação das infraestruturas de uma casa ou edifício. 

Ou seja, o objetivo da vistoria é verificar a habitabilidade do imóvel ou edifício, avaliando a estrutura, acabamentos e ainda a documentação do mesmo. E são ainda verificados os bens do interior, caso o imóvel tenha recheio. 

Então, na vistoria é verificado o seguinte: 

  • A fachada exterior do imóvel, analisando pintura, fissuras ou possíveis infiltrações; 
  • O estado das portas de acesso ao exterior e das fechaduras e respetivas chaves, bem como a isolação e possíveis pontos de infiltração das janelas; 
  • O sistema elétrico e hidráulico, através da análise a tomadas, interruptores, caixa de distribuição de energia, quadro elétrico, e depois a pressão da água das torneiras e chuveiros, possíveis fugas, e descargas de água; 
  • O recheio dentro do imóvel, comprado ou arrendado, como o imobiliário (estado dos móveis atendando a possíveis danos) 

Quando fazer a vistoria imobiliária? 

A vistoria imobiliária é realizada, por norma, por quem pretende comprar um imóvel ou fração, de forma a perceber qual o estado de conservação do local. Caso necessite de fazer obras de reabilitação ao imóvel, a vistoria pode ser essencial para identificar objetivamente as patologias, para as reparar dentro do período de garantia respetivo. 

Mas esta vistoria também pode ser feita no âmbito de arrendamentos. Ou seja, para que o arrendatário fique com o registo de como se encontrava o imóvel antes de o arrendar, pode contratar este serviço. Este relatório depois fica como anexo ao contrato de arrendamento. 

Por isso, quando terminar o contrato de arrendamento e tiver de entregar o imóvel, o arrendatário pode aceder ao relatório como prova da vistoria e imagens que comprovem que o estado de conservação do imóvel se mantém ou não igual ao momento em que assinou o contrato. 

Este é um processo importante que deve ser realizado nestes contratos, para que os arrendamentos corram bem e os imóveis em mercado de arrendamento se mantenham com condições de habitabilidade.  

Em qualquer um dos casos, é sempre entregue um relatório técnico ao cliente que contrata o serviço, com o diagnóstico que especifique as patologias e inconformidades identificadas.  

Caso precise de ajuda com questões relacionadas à compra de casa, pode sempre recorrer à agência imobiliária Casa no Minuto, ou quanto ao financiamento da casa, à intermediária de crédito Poupança no Minuto. Os agentes, de ambos os serviços, estão disponíveis para o acompanhar ao longo de todo o processo, desde a vistoria do imóvel à efetivação da escritura. Contacte as marcas e deixe que tratem de toda a burocracia por si! 

Newsletter

Assine a nossa newsletter e não perca nenhum conteúdo.



Simuladores