Simule quanto vai pagar de IMI e prepare a carteira

Simule quanto vai pagar de IMI e prepare a carteira

Sabe quanto vai pagar de IMI este ano? Há um simulador que lhe diz o valor: conheça a ferramenta e saiba como preparar a carteira para esta despesa. 

22 Feb 20242 min

Gostou do que leu? Partilhe!

Precisa de poupar, para fazer face a este imposto? Descubra algumas soluções para baixar prestações de créditos e seguros, com a Poupança no Minuto! Ou calcule, em seguida, qual o valor de IMI que irá dever em 2024. 

Já pode simular quanto vai pagar de IMI este ano 

O simulador é da Pordata e promete mostrar qual o valor que vai pagar de Imposto Municipal de Imóveis (IMI) em 2024. 

Para isso, deve inserir qual o Valor Patrimonial Tributário (VPT) referente ao seu imóvel, o concelho, o tipo de imóvel e o número de filhos no seu agregado familiar. 

No site, a Pordata explica que "esta ferramenta permite simular o valor do IMI a pagar de acordo com o concelho de localização do imóvel, o tipo de imóvel e o Valor Patrimonial Tributário que pode ser consultado na caderneta predial do imóvel". 

Mas deve notar que o IMI difere consoante algumas freguesias, pelo que a Pordata esclarece que “nesses casos, optou-se pelo valor mais alto”. 

Outro fator a que deve ainda prestar atenção, segundo a informação constante no site, é que certas “famílias podem beneficiar de um desconto especial no IMI atribuído pelas autarquias, em função do número de filhos a cargo”. 

Prepare a carteira para esta despesa 

O valor a pagar pelo IMI pode ser alto, ainda que possa ser dividido em várias prestações ao longo do ano em certos casos. 

Se o valor for abaixo de 100 euros só pode pagar numa única prestação, mas se for entre 100 e 500 euros, pode dividir em duas prestações – maio e novembro. Caso o valor seja superior a 500 euros, tem a possibilidade de pagar em três tranches – maio, agosto e novembro. 

Se, ainda assim, não conseguir fazer face à despesa, veremos outras opções para que consiga poupar e preparar-se: 

  • Reduzir encargos mensais, cortando em gastos mais supérfluos e focando nos necessários; 
  • Revisitar produtos como créditos e/ou seguros, pedindo às entidades contratantes por melhores condições; 
  • Fazer uma transferência dos produtos para entidades que lhe proponham condições mais vantajosas para si; 
  • Contratar um intermediário de crédito e mediador de seguros, como a Poupança no Minuto, para o que possa ajudar (sem custos) a simular novas propostas e conseguir baixar prestações, atingindo uma poupança mensal imediata! 

Newsletter

Assine a nossa newsletter e não perca nenhum conteúdo.



Simuladores